Sobradinho recebe próxima edição da Cidade da Segurança Pública

Tereza Neuberger
[email protected]

Em sua oitava edição, a Cidade da Segurança Pública (CSP) chega a Sobradinho, a partir desta quarta-feira (5). O programa é uma das estratégias fundamentais da Secretaria de Segurança Pública do DF (SSP-DF) para a redução criminal, que tem apresentado resultados históricos registrados nos últimos três anos.

O lançamento do projeto, pela secretaria SSP-DF, ocorrerá nesta quinta-feira (4), às 11h, na estrutura montada em frente à Galeria Central de Sobradinho. A abertura das atividades que compõem o projeto, poderá ser acompanhada também por transmissão ao vivo através do perfil da pasta no Instagram. O projeto integra o DF Mais Seguro, principal política de segurança pública do DF, com projetos e ações previstos até o final deste ano.

Até o próximo sábado (7), serão oferecidos serviços à população, como emissão de carteira de identidade, vacinação contra Covid-19 e Influenza e orientações para combate à violência de gênero. O reforço no policiamento segue até domingo (8), em toda a região administrativa e proximidades, o que inclui Sobradinho II e Fercal.

“A Segurança Pública do DF segue avançando por meio de ações monitoradas e avaliação de resultados. Temos diferentes estratégias realizadas pela SSP/DF e forças de segurança, mas o diferencial da CSP é a possibilidade de atuar de forma cada vez mais regionalizada e integrada, até mesmo com órgãos e agências do governo federal e de outros estados. Assim, temos conseguido manter a redução dos crimes e a sensação de segurança de forma cada vez mais equilibrada nas regiões administrativas e em todo o DF”, afirma o secretário de Segurança Pública, Júlio Danilo. “Conseguimos trabalhar de forma direcionada, de acordo com a realidade e necessidades de cada região”, acrescenta.

Estaedição da CSP conta com a participação ativa e integrada das forças de segurança – polícias Militar, Civil, Corpo de Bombeiros e Departamento de Trânsito (Detran-DF) – e demais órgãos e instituições parceiras, como a Secretaria de Segurança do Estado de Goiás (SSP-GO), Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Departamento de Estradas de Rodagem (DER-DF). Também participarão desta edição as secretarias de Administração Penitenciária (Seape), da Mulher (SM), de Saúde (SES), de Desenvolvimento Social (Sedes), do Trabalho (Setrab), de Justiça (Sejus) e DF Legal; do Banco de Brasília (BRB), Defesa Civil, Serviço de Limpeza Urbana (SLU), Caesb, Administração Regional do Gama e Neoenergia BSB.

Policiamento

O policiamento será reforçado pelo 13º Batalhão da PMDF, responsável pela área, e por tropas especializadas, como os batalhões de Policiamento com Cães (BPCães), de Aviação (Bavop), de Operações Especiais (Bope), Comando de Policiamento de Trânsito (CPTran), Rondas Ostensivas Táticas Motorizadas (Rotam), Patrulhamento Tático Móvel (Patamo) e Regimento de Polícia Montada (RPMon).

A PCDF reforçará o efetivo das delegacias locais – a 13ª e a 35ª. A corporação intensificará o cumprimento de mandados em toda a região e atuará em ações integradas com as demais forças de segurança.

As ações de trânsito também serão intensificadas, por meio de ação conjunta do Detran, DER, batalhões de trânsito da PMDF e PRF.

Profissionais da linha de frente

Criar um canal direto de interlocução com os servidores das forças de segurança locais é um dos objetivos da CSP. Durante os dias do projeto na região, o secretário de Segurança, chefes das forças de segurança e demais gestores da SSP-DF visitarão batalhões e delegacias na cidade, para conhecer a dinâmica de funcionamento das unidades.

“Esta é uma forma de entender, de forma muito próxima às demandas desses profissionais, que lidam com a população, que colocam em prática nossas políticas, o que é essencial para adequação de nossas políticas de segurança, que tem como um dos objetivos a valorização profissional”, ressalta o secretário da SSP/DF.

Quinto Mandamento

As ações de intensificação de policiamento são diárias, iniciadas ainda na segunda-feira (2). Elas seguem até domingo (8), reforçadas por meio da Operação Quinto Mandamento, que ocorrerá na região e cidades próximas, como Sobradinho II e Fercal. A operação ocorre semanalmente em diversas regiões do DF. Sob coordenação da SSP-DF, a ela reúne integrantes das polícias Militar e Civil, Detran, Corpo de Bombeiros Militar (CBMDF), DF Legal e Departamento de Estradas de Rodagem (DER).

Esta edição contará com a participação da PRF, por conta da proximidade com rodovias federais, e com a Seape, para intensificar a fiscalização de imposições penais de sentenciados, como aqueles que cumprem regime aberto, prisão domiciliar ou livramento condicional, ou regime semiaberto beneficiado com trabalho externo. “Coibir os crimes contra a vida, como homicídios e latrocínios, é o foco da ação, mas a presença policial influencia diretamente a redução de crimes contra o patrimônio, pois possibilita a apreensão de drogas e armas por meio de abordagens pessoais e veiculares e, ainda, a retirada das ruas de pessoas com pendências judiciais”, justifica o secretário executivo de Segurança Pública, Milton Neves.

O CBMDF fará orientações e ações preventivas junto à comunidade, principalmente nas áreas de prevenção de incêndios e primeiros socorros, que representam os maiores índices de ocorrências demandadas à corporação.

Escolha da região

As cidades são escolhidas com base em diversos critérios, entre eles a estrutura das forças de segurança locais, levantamentos e análises criminais, perfil socioeconômico da região e mapeamento de desordens. “Durante a realização da CSP na região, entregamos o relatório de desordens ao administrador regional, de forma a contribuir com ações que possam ser realizadas mesmo após a CSP, e possam impactar diretamente na sensação de segurança da população. Fazemos um trabalho prévio, essencial para realização de toda a ação”, ressalta o secretário.

Para contribuir com a organização da cidade, a operação DF Livre de Carcaças fará parte da programação. Desde o início da ação, em fevereiro de 2020, foram retirados mais de 800 veículos abandonados das ruas do DF.

O administrador da cidade, Abílio Castro Filho, comemora a realização do projeto na região. “A Cidade de Segurança Pública é um projeto de imensa importância para o combate contra a criminalidade no DF.
Ações que englobam todos os órgãos e que são regionalizadas ainda tornam tudo mais efetivo.
Estou muito feliz de receber um projeto tão grande e relevante para a segurança e atendimento ao público da nossa cidade”, ressalta.

O post Sobradinho recebe próxima edição da Cidade da Segurança Pública apareceu primeiro em Jornal de Brasília.