Coluna Lia Dinorah para segunda (09)

foto: @isacastilho_ph

Tour em Paris

A bela psicóloga Caroline Campos (foto acima), ao lado do marido Vinicius Frederico e da herdeira Maria Clara, retornou a Brasília depois de curtir temporada festiva e cultural na Cidade Luz. A renomada profissional foi celebrar com a família, os 50 anos de feliz união dos sogros, Wânia e Humberto Lisboa Frederico. Foram dias de muitos brindes, passeios maravilhosos e de estrelada programação gastronômica nos melhores restaurantes de Paris.

VISITA

O secretário-geral das Relações Exteriores, embaixador Fernando Simas Magalhães, recebeu o vice-ministro dos Negócios Estrangeiros do Japão, Kiyoshi Odawara (foto acima), em visita no Palácio do Itamaraty. Discutiram temas relevantes da relação bilateral e da agenda internacional.

Reconhecimento

A organização humanitária Fraternidade sem Fronteiras foi indicada ao prêmio Ibest 2022 que reconhece as melhores iniciativas do universo digital brasileiro em sites, apps e redes sociais, como Instagram, Facebook, Youtube, Linkedin, TikTok, Twitch e Twitter. A Ong é indicada para a categoria Ações Sociais. A votação da primeira fase segue até o dia 15, pelo site: https://app.premioibest.com.

Asas no digital

Apesar das dificuldades de deslocamento e de lockdowns em várias cidades da China, a tradicional Feira de Cantão, em versão online, cresceu 6,8% durante os dez dias da 131ª edição, no mês de abril. O volume de negócios atingiu 67,7 bilhões de dólares. A feira bateu recorde de mais de 25 mil expositores nacionais e estrangeiros, além de visitantes de mais de 228 países. Mais de 3 milhões de produtos e 2,9 milhões de exposições virtuais, com destaque para os verdes e de baixo carbono. Entre as 16 categorias de mercadorias, as seções de ferragens, produtos para animais de estimação e eletrodomésticos foram as mais populares. Os resultados animaram os organizadores, que estimam para a próxima edição, em outubro, tanto o formato presencial quanto a opção virtual.

Herança viva

Foshan, a casa ancestral de Bruce Lee (foto acima), tira a poeira da herança do kung fu enquanto busca impulsionar os setores de turismo e serviços. A cidade no sul da China, que já abrigou o grande mestre do wing chun Ip Man e a família do superstar Bruce Lee, está construindo uma “cidade de kung fu” de 4,98 km² perto da casa ancestral de Lee no distrito de Shunde, bem como um instituto de pesquisa e um centro de experiência e extensão. Um aspecto importante desta revitalização será o desenvolvimento da massagem kung fu. Este tipo de massagem originou-se das habilidades médicas de mestres de kung fu, que muitas vezes se machucavam e tinham muita experiência em curar e curar a si mesmos e aos outros.

Curiosidade

Supersticiosos que são, os chineses, além do tradicional bolo, comem três alimentos que representam ideais de plenitude de uma vida longa, ao celebrarem os aniversários. O ovo, pois a forma simboliza plenitude e completude na China. Os Noodles, quanto mais comprido melhor, pois representam a esperança de longevidade. Para que funcione, alguns dizem que é preciso engolir todo o comprimento do macarrão na boca e não mordê-lo. E o pêssego da longevidade ou “shoutao”, que são pães em forma de pêssego pintado com corante alimentar em vários tons de rosa, por vezes, recheados com doces feitos de sementes de lótus ou feijão vermelho.

Tui na

Para estimular a circulação do sangue e do qi (“força vital”) no corpo, os praticantes da medicina tradicional chinesa (MTC) empregam vários métodos, incluindo o sistema de massagem chamado “tui na”. Usando dedos, mãos, cotovelos, joelhos ou outras partes do corpo, o praticante aplica diferentes níveis de pressão nos canais de energia do paciente, conhecidos como meridianos, e/ou nos chamados acupontos, ou músculos e nervos, para obter efeitos terapêuticos específicos, aliviando dores crônicas, condições musculoesqueléticas e distúrbios relacionados ao estresse, como insônia. Restaurando o corpo a um estado natural de bem-estar.

O post Coluna Lia Dinorah para segunda (09) apareceu primeiro em Jornal de Brasília.