Babado! Abertura de show de Naiara Azevedo vira motivo de chacota. Entenda!

Ih gente, não é que a abertura do show novo de Naiara Azevedo virou piada na web? É que não está pegando bem as falas ditas pela cantora antes de pisar no palco.

Em vídeos viralizados, na abertura, Nai de Fat diz: “As mulheres só puderam entrar na Universidade no fim do século XIX. Votar? Demorou ainda mais tempo! Só em 1932. Na década de 80, o novo código civil estabeleceu a igualdade no casamento. Em 1985, foi criado o Conselho Nacional de Direito da Mulher e a primeira delegacia da mulher. Direitos sociais? Só vieram em 1981. Maquiagem? Era coisa de bruxa! Batom vermelho? Jamais! Éramos o tal do “sexo frágil”. Preconceito fez parte da minha vida desde o início”, começa Naiara.

“Chega de padrão de beleza sem sentido. Vai ter mulher fazendo gol sim. Vai ter mulher pegando geral na balada e bebendo todas. Vai ter mulher cantando e descendo até o chão. Vai ter mulher fazendo o que ela quiser fazer. Sabe por quê? Somos mulheres, somos guerreiras e somos muitas. Onde a mulher quer estar, ela faz toda a diferença. Eu? Decidi estar aqui fazendo a diferença na minha vida e na de vocês. O meu nome? É Naiara Azevedo! Eu sou dona e proprietária da minha história! Eu vou estar onde eu quiser!”, encerra a cantora.

E aí claro que o povo caiu em cima né? Porque esse discurso feminista tão longo no começo do show é meio complicado… “Naiara Azevedo depois de ler 3 páginas do pdf da Simone de Beauvoir que a Lina enviou”, criticou um internauta. Simone era escritora e ativista na causa da mulher. Outra internauta comentou: “Começando a redação do ENEM: “na abertura de sua nova turnê, Naiara Azevedo pontua que os direitos das mulheres…”. Deus perdoa, mas a internet não… Mas teve quem apoiou, ‘tá?

https://twitter.com/doutoradeolane/status/1524148598136582145

https://twitter.com/ThawanyGuedes/status/1523338961179009026

O post Babado! Abertura de show de Naiara Azevedo vira motivo de chacota. Entenda! apareceu primeiro em Jornal de Brasília.